Sites Grátis no Comunidades.net

Cantinho da Poesia! Escritor: José A. Correia



Total de visitas: 20026
Poesias De Paixäo

No Silencio da Madrugada


Muitos já dormem concerteza
Estou acordado pensando em minha amada
Pouco dormir é de minha natureza
Gosto do silencio da madrugada

Tras-me paz este silencio
Depois de um dia complicado
É o silencio da madrugada
Que revitaliza este poeta amargurado.

Peco alguns desejos que pretendo
A uma estrela cadente que viaja
Desejo ser poeta pelo que me entendo
Se Deus me atender entao o meu bem-haja.

A noite esta a terminar o seu turno
Mantem-se o silencio da madrugada
É tarde sei ,e eu ainda nao durmo
Escrevo um poema a terminar minha jornada.

Sinto por fim o sono a chegar
Volto pra junto da minha amada
Olho a noite antes de me deitar
Despeco-me do silencio da madrugada.

30.04.2007
José Alberto Correia-CantinhodaPoesia
Os direitos autorais estäo reservados.





O Grito

Vós que abafais meu grito
Que me calam na minha inocencia
Que me tiram a decencia
Me levam a demencia

Sim, vos que andais a minha volta
Grito Eu de revolta
Soltai-me as amarras que me prendem
Quero ser livre ,que de mim pretendes ?

Poder viver para o amor
Para gestos delicados de ternura
Manter minha mente pura
Ter de alguem o seu calor.

Gritar por quem amo
Grito de paixao
Fazendo eco intemporal
Desse amor que me faz mal

Libertar-me preciso
Para nova aventura
Nao importa o tempo que dura
Meu grito implora conciso.

Deixai-me livre de vez
Esquecer momentos de outrora
Quero gritar a aurora
Que ,sou livre talvez.

Liberto meu coracao
Dou aso a paixao
Meu grito já nao e lamento
Livre é meu pensamento.

Vós ,que eras o passado
Esquecido terminalmente
Já nao és meu alento
Gritar posso finalmente.

Grito ao amor
Grito a paixao
Grito aos amantes
Grito à liberdade no coracao!

Escrito em 22.08.2006

José A. Correia

Os direitos autorais são protegidos
pela lei nº 9610/98,
violá-los é crime estabelecido pelo
artigo 184 do Código Penal Brasileiro

Se quiser copiar não esqueca de mencionar o Autor





Estrela Guia


Anjo do meu pensamento
Você é a minha estrela guia
Quero viver pra você
E sempre em sua companhia.

Sei que você é uma estrela
Que emite raios de luz
Com estes olhos tão lindos
Que meu coração seduz.

Seus olhos são encantadores
Que não há outros iguais
Por isso que continuo
Te amando cada vez mais.

Com este modo encantador
Gosto de te ouvir falar
Com isso cada vez mais
Dar vontade de te amar.

Eu noto sinceridade
Quando falo com você
Por isso que agora quero
Somente pra ti viver.

Quero repartir com você
A minha felicidade
Porque agora eu sinto
Que te amo de verdade.

Você guia minha vida
Isso eu tenho certeza
Por isso que em mim existe
Por ti uma chama acesa.

Sou feliz porque te amo
Tenho orgulho de falar
Agora mais do que nunca
Viverei pra te amar.





Abatido!
Hoje sou apenas
Fera abatida ,lobo dormente
Sem coragem ,e com medo
Talvez a viagem seja na minha mente.

Onde me levará ?
Näo sei ,apenas aguardo
Meu destino talvez
Ou näo , já tracado.

As horas passam lentamente
Os minutos Eternamente
Näo rodam os segundos
Aqui tenho paz finalmente.

Sei que nao morri ainda
Acordei deste pesadelo
Ouco meus gemidos
Bate o coracao ,e tao bom sabe-lo !

Agora o Lobo está de volta
Com a coragem da prova vencida
Dificil tarefa enganar a morte
mas "ela " nao me deu stop na vida!

Escrito em 29 Novembro de 2006
José A. Correia
CantinhodaPoesia
Os direitos estao reservados!

Criar um Site Grátis   |   Create a Free Website Denunciar  |  Publicidade  |  Sites Grátis no Comunidades.net